O que é: XHTML (Extensible Hypertext Markup Language)

ÍNDICE

O que é XHTML (Extensible Hypertext Markup Language)

O XHTML (Extensible Hypertext Markup Language) é uma linguagem de marcação que define a estrutura e o conteúdo de uma página da web. Ele é uma evolução do HTML (Hypertext Markup Language) e foi projetado para ser mais rigoroso e compatível com as diretrizes do XML (Extensible Markup Language). O XHTML combina a facilidade de uso do HTML com a sintaxe estrita do XML, o que o torna uma escolha popular para desenvolvedores web que desejam criar páginas acessíveis e bem estruturadas.

Origem e evolução do XHTML

O XHTML foi desenvolvido pelo World Wide Web Consortium (W3C), a organização responsável por estabelecer os padrões da web. A primeira versão do XHTML, conhecida como XHTML 1.0, foi lançada em janeiro de 2000. Ela foi baseada no HTML 4.01 e no XML 1.0, combinando as vantagens de ambos.

Posteriormente, o XHTML 1.1 foi lançado em maio de 2001, introduzindo algumas melhorias e correções de erros em relação à versão anterior. O XHTML 1.1 também foi projetado para ser modular, permitindo que os desenvolvedores escolhessem os módulos específicos que desejavam usar em suas páginas.

Principais características do XHTML

O XHTML possui várias características que o tornam uma escolha atraente para desenvolvedores web. Algumas das principais características do XHTML incluem:

Sintaxe estrita

Uma das principais diferenças entre o XHTML e o HTML é a sintaxe estrita do XHTML. Enquanto o HTML permite que os desenvolvedores cometam erros de marcação, o XHTML exige que a marcação seja correta e bem formada. Isso significa que os desenvolvedores precisam fechar todas as tags, usar letras minúsculas para os elementos e atributos, e seguir outras regras de sintaxe rigorosas.

Compatibilidade com XML

O XHTML é compatível com o XML, o que significa que ele pode ser processado por ferramentas XML e ser transformado em outros formatos, como PDF ou EPUB. Essa compatibilidade também torna mais fácil para os desenvolvedores integrarem o XHTML com outras tecnologias baseadas em XML, como XSLT (Extensible Stylesheet Language Transformations) e XForms (XML Powered Web Forms).

Semântica

O XHTML incentiva o uso de marcação semântica, o que significa que os desenvolvedores devem usar elementos HTML de acordo com seu significado semântico. Por exemplo, em vez de usar uma tag

genérica para criar uma seção de conteúdo, os desenvolvedores devem usar elementos mais específicos, como

,

ou